5 dicas para escolher a melhor conta para menor de idade

A vida anda complicada. Nessa rotina que já é atribulada, dar dinheiro para filhos adolescentes usarem no dia a dia acaba se tornando mais uma preocupação. Por isso, muitos pais e mães buscam uma forma de facilitar sua vida, eliminando a necessidade de ir ao banco sempre que precisam dar dinheiro aos dependentes. Quando se trata de aliar a comodidade de uma conta para menor de idade aos benefícios da educação financeira na prática, vale conferir nossas dicas!

1. Nunca mais esquecer de dar a mesada

A mesada é uma ferramenta importante da educação financeira, porque com ela os adolescentes aprendem a usar o dinheiro dentro de um orçamento limitado. Mas na prática ela pode se tornar um aborrecimento para os pais e mães, que precisam ter em mãos a quantia exata. Como nem sempre isso é possível, é comum que a mesada da semana seja convertida em saldo para a semana seguinte, ou que o responsável faça uma compra no próprio cartão e depois desconte o valor. Essas práticas fazem com que o jovem tenha uma percepção distorcida sobre como organizar sua vida financeira, sem desenvolver competências que serão importantes na idade adulta. Por isso, o recurso de programar os pagamentos é fundamental em uma conta mesada. E se não tiver saldo na sua carteira, que seja emitido um lembrete com antecedência! Assim, você nunca mais vai deixar de dar mesada porque esqueceu de sacar o dinheiro a tempo.

2. Pix e cartão virtual para compras online

A praticidade de fazer pagamentos com cartão é um atrativo para os adolescentes. Nessa faixa de idade, o consumo acontece tanto em lojas físicas quanto no e-commerce: 75% dos jovens fazem compras online. Por isso, é importante contar com o cartão virtual, para garantir a segurança das transações feitas em lojas na internet. Assim, o dependente poderá cadastrar o seu próprio cartão nas lojas de games, por exemplo, e só irá adquirir os itens que cabem em seu orçamento.

Além disso, os pagamentos em espécie estão cada vez mais raros, e muitas vezes é difícil até mesmo conseguir troco. Por isso, a facilidade de contar com o pix, o meio de pagamento mais usado no Brasil, é um diferencial importante.

3. Incentivo ao hábito de guardar dinheiro

A construção de uma reserva financeira é uma habilidade que precisa ser incentivada desde cedo. Para que isso aconteça de forma natural, o ideal é que os adolescentes comecem a guardar dinheiro com um propósito definido, como, por exemplo, comprar um tênis da moda ou ir ao show de um artista internacional. Assim, a possibilidade de criar uma reserva no aplicativo é um recurso que complementa a função de pagamento da mesada. Para estimular ainda mais a vontade de poupar, você pode combinar com seus dependentes que, para cada real que eles pouparem, você complementará com mais um pouco, simulando um rendimento.

Leia também: Adolescentes que recebem mesada poupam mais

4. Dar autonomia sem perder o controle

A conquista da autonomia é uma busca constante durante a adolescência. Mas isso acontece de forma gradual, envolvendo erros e correções de rota até se atingir um maior grau de maturidade. Por isso, os pais e mães devem acompanhar o desenvolvimento de seus filhos, orientando-os sempre que necessário. Isso é particularmente importante quando se trata de lidar com dinheiro, pois os hábitos adquiridos nessa fase serão levados para a vida adulta.  

Diante disso, ao escolher uma conta para menor de idade é importante considerar algumas características que vão ajudar sua família a equilibrar a autonomia que os adolescentes desejam com a segurança que os adultos precisam. 

  • O responsável deve acompanhar o consumo dos dependentes, seja por meio de notificações em tempo real ou pela visualização dos extratos de forma instantânea. Tudo isso em um único painel, monitorando as atividades de forma simples e rápida.
  • O bloqueio e desbloqueio pelo app dos responsáveis facilita a suspensão do uso, se o cartão for perdido.
  • A possibilidade de realizar transferências entre as contas, seja do responsável para os dependentes ou dos dependentes para o responsável, sem limite de transações.
5. Conta para menor que atende toda a família

Cada família é diferente da outra, por isso nem sempre quem paga a mesada é o pai ou a mãe. Por isso, a conta para menores de idade escolhida deve permitir que qualquer pessoa seja responsável pela conta do menor, possibilitando que o pagamento seja feito pelo padrasto, a avó, o padrinho ou a tia, por exemplo.

Foi pensando em tudo isso que desenvolvemos uma solução especialmente para atender as necessidades das famílias, trazendo autonomia para os adolescentes e controle e segurança para os adultos. O Blu by BS2 é uma conta digital para menores desenvolvida especialmente para que eles aprendam a lidar com dinheiro na prática.

Gostou das dicas? Saiba como usar a mesada para ajudar seus dependentes a lidar com dinheiro! Leia o e-book

Siga o Blu nas redes sociais Instagram e Facebook para mais dicas.

Compartilhe nas redes

Abra a câmera do seu
celular e aponte para esse QR Code.

Pronto! É só baixar o app direto no celular!